quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Pai é Pai! - A verdade que não devemos mais esquecer


Jornal Expresso de 30 de Agosto de 2008
http://sol.sapo.pt/EdicaoImpressa/1Caderno.aspx

1 comentário:

Eu disse...

A verdade é que as decisões sobre a custódia e o futuro dos nossos protagonistas são tomadas por magistrados que, na maioria das vezes deliberam taxativamente baseados numa jurisprudencia que não reflete a evolução da sociedade e das familias.
Alem disso, estas decisões são tomadas sem um parecer de, por exemplo, um psicologo. Ou será que um Juiz, por mais competente que seja, domina os universos Freudianos?